Blog

O que fazer em Buenos Aires – Barracas

O albergue 06 Central Hostel te convida a conhecer nossa Cidade de Buenos Aires.

Este bairro ganhou o seu nome graças à barracas (pequenas casas muito humildes feitas principalmente de chapas de metal) que começaram a serem construídas a finais do século XVIII na beira esquerda do Riachuelo. Presume-se que as primeiras construções foram improvisadas ou que eram velhos galpões que se usavam para armazenar couro e outros produtos que deviam ser transportados nos barcos que partiam do Riachuelo.

mapa-tango-HostelAlbergue-BarrioBarracas-FotosBuenosAires

Existiram diferentes barracas na cidade de Buenos Aires, chamadas de várias formas. Neste caso se chamava de Barracas do Riachuelo. Alguns historiadores acharam que as barracas fossem os primeiros lugares onde os escravos desembarcavam uma vez chegados ao Rio de la Plata.

1. Av. Martín García

Era a antiga estrada a Magdalena e a Quilmes, chamado de “Caminho à Ensenada de Barragán”, que começava na Praça Maior, com carretas saindo do porto pela rua Defensa e Humberto Primo. A vizinha Avenida Almirante Brown conduz até o Bairro de la Boca.

2. Fábrica Canale

Av. Martín García na frente do Parque Lezama.

fabricaCanale-tango-HostelAlbergue-BarrioBarracas-FotosBuenosAires

A famosa e antiga fábrica de bolachas encheu o bairro de um cheiro delicioso durante anos. Possui duas cúpulas que são decoradas com maiólicas.

3. Avenida Martín García 584

Neste endereço se encontrava a chácara do Almirante Guillermo Brown, navegante de origens irlandesas que foi o primeiro que criou a Frota Naval da Argentina.

4. Avenida Montes de Oca (Calle Larga)

A Avenida Montes de Oca vai da Avenida Caseros até o Riachuelo. Nos começos do século XX, quando o Sul de Buenos Aires era a região mais exclusiva, nessa Avenida tiveram a suas chácaras as famílias porteñas mais importantes, por exemplo: os Balcarce, os Udaondo, os Diaz Vélez, os Satamarino, os Elizalde, os Ramos Mejías e outras.

5. Paróquia de Santa Lucía

Avenida Montes de Oca 550

Santa Lucía é a padroeira do bairro de Barracas. A primeira capela se fundou em 1783. Dia 13 de dezembro se celebra uma procissão pela Avenida Montes de Oca em homenagem à padroeira da vista.

6. Praça Colômbia

Avenida Montes de Oca, Isabel a Católica, Brandsen e Pinzón

A Praça Colômbia fez parte do prédio durante os anos da colônia de Don Martín de Alzaga, um importante e rico homem de negócios espanhol, herói que defendeu Buenos Aires quando os ingleses invadiram em 1806 e 1807.

PlazaColombia(Square)-tango-HostelAlbergue-BarrioBarracas-FotosBuenosAires

A casa principal era localizada no centro da Praça Colômbia e foi aí onde o Alzaga montou o quartel-general com as suas tropas durante a Revolução de Maio. Finalmente Alzaga morreu fuzilado por culpa de um escravo que denunciou ele.

O mastro e as esculturas são obra do artista Julio C. Bergottini quem elaborou em bronze. Outro busto feito pelo mesmo autor representa ao San Martín herói da liberação e independência da Argentina.

7. Iglesia Santa Felicitas

Isabel La Católica entre as Ruas Pinzón e Brandsen

A Felicitas Guerrero foi uma moça rica que ficou viúva muito jovem. Ela foi considerada como uma das mulheres mais belas da Cidade de Buenos Aires. No ano 1872 a Felicitas Guerrero foi assassinada por um pretendente, o “dandy” Enrique Ocampo (tio das escritoras Victória e Silvina)

IglesiaSantaFelicitas(Church)-tango-HostelAlbergue-BarrioBarracas-FotosBuenosAires

Em homenagem e memória da filha, os pais fizeram construir este templo em 1875, segundo o projeto do arquiteto Bunge. A igreja é uma combinação de elementos ecléticos que lembra as antigas catedrais góticas europeias. A Igreja de Santa Felicitas é a única igreja de Buenos Aires que possui estatuas feitas com mármore de Carrara e representam à mesma Felicitas Guerrero com seus filhos e ao Martín de Alzaga.

8. Templo israelita Buenos Aires Or Torah

Brandsen 1444

Este templo possui um estilo oriental, e foi projetado pelo arquiteto Valentini. A fachada do Templo Israelita de Buenos Aires tem grandes janelas e um portal central com uma cúpula na cima dele com forma de uma cebola gigante que destacam o templo no bairro todo. No interior se pode observar um pátio charmoso estilo andaluz feito de mosaicos coloridos.

9. Fábrica Argentina de Alpargatas

Avenida Regimiento de Patricios 1142

Faz parte de uma série de prédios que foram propriedade da velha fábrica têxtil mais importante da Argentina (Alpargatas). Foi um espanhol (Juan Echegaray) e um escocês (Robert Fraser) quem fundaram esta empresa em 1883.

10. Fábrica de Chocolates “El Águila-Saint”

Herrera entre as Ruas Brandsen e Suárez

Nas esquinas se podem ver águias de pedra que decoram o prédio. A águia era o símbolo tradicional desta fábrica argentina de chocolates.

11. A Rua Lanín (Pasaje Lanin)

Próxima à velha fábrica de chocolates Águila-Saint se encontra a Rua Lanin (Pasaje Lanin). Nesta pequena rua, curta e sinuosa, se acham todo o tempo, amostras de arte de urbano e de rua à “beira” da trilha do trem.

PasajeCalleRuaLaninStreet-tango-HostelAlbergue-BarrioBarracas-FotosBuenosAires

Foi o artista argentino Marino Santa María quem realizou o projeto do “Pasaje Lanin”, uma obra que vai da Rua Brandsen à Rua Suárez. O projeto do “pasaje Lanin” se trata de uma obra artística onde as casas e as paredes são pintadas pelo artista com formas e patrões verticais, horizontais e linhas onduladas.

12. Bairro Ferroviario

Rua Australia 2700

Este bairro pequeno, representa a lembrança dos velhos bairros feitos para e pelos ingleses que chegaram à Argentina para construir o sistema de trens. Todo o bairro foi pensado para hospedar às famílias dos funcionários ingleses que iam construir a trilha e os trens. Atualmente existem 300 apartamento daquela época ainda habitáveis.

Contate-nos Agora! E receba automaticamente nossos grandes benefícios: Pacotes de Hospedagem + Ofertas que te dá o Hostel 06 Central – Buenos Aires!

Seu nome (obrigatório)

Seu e-mail (obrigatório)

Sua mensagem

captcha

Al usar este formulario accedes al almacenamiento y gestión de tus datos por parte de esta web.

MartinO que fazer em Buenos Aires – Barracas